Lu Ar

Sentimentos e poesias

Textos


SER ESPECIAL



O QUE TEMOS DE ESPECIAL? Perdi a conta das vezes que alguém, não sem um certo constrangimento meu, afirma ser eu uma mãe especial.
Sempre me questionei sobre esta afirmação "Ser Especial". Eu sou? Por quê?
Será porque acontecem estas coisas conosco:
Morrer de amor ao receber um beijo único naquele ano?
Sorrir orgulhosa porque ela puxou a cadeira para sentar-se?
Sentir-se a mãe mais feliz do mundo porque ela inesperadamente disse "bom dia!", depois de meses sem dizer única palavra?
Comemorar durante uma semana o fato dela levantar pela manhã e trocar de roupa por conta própria, mesmo tendo ela treze anos de idade?
Ficar terrivelmente emocionada por ela servir um copo de água usando a jarra sem derramar?
Sentir o coração arrastando no chão ao vê-la chorar de dor sem que possa saber onde dói? E por isso querer trocar de lugar com ela exatamente nesta hora?
Sentir-se grata a Deus por ela sorrir, caminhar, comer bem, dormir bem (quando dorme), escutar bem, enxergar bem, enfim, ser saudável?
Sentir-se uma pessoa melhor exatamente por todas as dificuldades passadas? Reconhecer que cada dificuldade é uma lição?
Sentir-se grata a Deus por tamanha expressão de confiança ao dar-me por filha alguém tão necessitada de amor e carinho e confiar que eu o faria?
Se for por isso, então acho que Deus me tornou alguém especial (tenho certeza que não era) para poder cuidar da FILHA DELE aqui na Terra! Só por isso talvez eu seja especial...
Lu Ar
Enviado por Lu Ar em 19/07/2016
Alterado em 09/03/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Lu Ar e o site www.LuAr.prosaeverso.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras